Hoje temos a história da Flor de Narciso que está relacionada com o mito de Narciso. Acreditamos que assim como o livro “O Pequeno Príncipe“, a história de Narciso é uma grande lição de vida à todos nós, crianças, adolescentes, adultos e idosos. Vamos refletir sobre ela? 🙂

flor-de-narciso

Imagem: Flor de Narciso – Foto de Texas_Mustang – Flickr ©

A Flor de Narciso, também conhecida como Narcissus, é originária do mediterrâneo e de algumas partes da Ásia central e da China, porém atualmente é cultivada no mundo inteiro. Conhecida mundialmente por sua beleza ímpar e pela lenda de Narciso, famoso na Mitologia Grega, pela sua beleza e orgulho; é uma flor encontrada em solo húmido perto de uma lagoa. A flor tem normalmente seis pétalas com um funil central. Existem dezenas de espécies e as cores de suas flores variam entre o amarelo e o branco.

narciso-Caravaggio

Imagem: Narciso (Caravaggio) 1594-1596 – Fonte Wikipédia

Existem muitas versões sobre a ligação da Flor de Narciso com o personagem grego mitológico. A mais conhecida versão narra que Narciso era filho do deus-rio Cefiso e da ninfa Liríope. No dia em que Narciso nasceu, seus pais consultaram o futuro da criança com o adivinho Tirésias, que afirmou-lhes que o bebé teria vida longa desde que jamais contemplasse a própria figura.

Narciso cresceu, se tornou um jovem de beleza extraordinária, todos que dele se aproximavam, se apaixonavam imediatamente. Muitas ninfas apaixonaram-se por Narciso, porém o jovem Narciso não se interessava por nenhuma delas. Uma das Ninfas de nome Eco, apaixonou-se perdidamente por Narciso, porém o jovem a desprezou. Eco, não se conformou com a indiferença de Narciso e afastou-se amargurada para morrer num lugar deserto.

A deusa da vingança Nêmesis apiedou-se da dor da jovem e das demais que o amavam sem serem correspondidas e  induziu Narciso, depois de uma caçada a debruçar-se numa fonte para beber água; e assim contemplar sua própria figura no reflexo da água. Foi quando então Narciso, apaixonou-se perdidamente por sua própria beleza, ficando alí por muito tempo a contemplar-se até morrer.

As Ninfas que o amavam, fizeram-lhe uma mortalha, e quando foram buscar o corpo de Narciso, no local encontraram apenas flores: O Narciso, a flor de Narciso.

Na Psicologia, o termo Narcisista é utilizado para designar uma pessoa embevecida com a própria beleza, que preocupa-se apenas com a sua vaidade, quase sempre alienando-se do que realmente passa-se a sua volta; já que julga-se superior em razão de sentir-se extremamente belo quando se compara aos demais seres humanos que o cercam. O termo aplica-se à homens e à mulheres. Narcisismo descreve a característica de personalidade de paixão por si mesmo.

Para finalizar esta história educativa, deixo-vos uma frase para reflexão: “Tudo passa nesta vida, seja bom ou mau, belo ou feio, jovem ou velho, um dia tem TUDO tem um fim”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here