O cão-guia para cegos é um animal de raça retriever do labrador, educado durante dois longos anos para que ele possa conduzir o seu dono em segurança em suas deslocações. Este cão é treinado para evitar que o seu dono (cego) se choque com obstáculos, ajudando-o a encontrar entradas e saídas de estabelecimentos, ajudando-o a procurar um multibanco, um telefone público, uma passadeira de peões e evita até que o seu dono pise em poças d’água e excrementos de outros animais.

Até 1996 Portugal era o único país da U.E que não dispunha da ajuda técnica dos cães guias para os deficientes visuais. Foi  então que surgiu a primeira escola portuguesa de cães guia no país. Na Escola de Mortágua,  Sabina Teixeira, Vítor Costa e Marta Ferreira são os educadores de cães-guia, e são as únicas pessoas a exercerem esta profissão em Portugal.

Atualmente os eforços são para conseguirem entregar à deficientes visuais (cegos) cerca de quatro cães guia por ano. Desde 1999 já foram entregues cerca de 65 cães, entretanto existe uma lista de espera com cerca de 60 nomes.

Para continuar com a filosofia da escola que é: ‘O Cão Guia é entregue gratuitamente ao Cego’, nasceu a Poppy com o objectivo de angariar fundos para a subsistência da Instituição, bem como possibilitar a
entrega de um número maior de cães.

Para conhecer a missão do projecto ou caso você queira contribuir sugiro uma visita ao site: Poppy

3 COMENTÁRIOS

  1. POR FAVOR , GOSTARIA DE SABER QUAL A MEDIA DE TEMPO PARA SE CONSEGUIR UM CAO GUIA?

    QUERO SABER SE EXISTE A POSSIBILIDADE DE PESSOAS DE OUTROS PAISES SOLICITAREM O CAO GUIA

    MUITO OBRIGADO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here