Uma questão preocupante aos pais e educadores e que ultimamente tem tomado grandes proporções de propagação é a dependência química entra adolescentes e jovens. Um dos factores de maior importância antes de qualquer outra coisa, é o bom relacionamento em casa com o seu filho ou filha, e acima de tudo o diálogo. Porque os jovens usam droga? A grande maioria que utiliza algum tipo de droga o faz quase sempre pela propria aceitação como ser, para auto-afirmação, ou aceitação em determinado grupo de “amigos”.  Nós como adultos e pais certamente em nossa adolescência nos deparamos com colegas de escola usuarios de drogas, e nem por isso a utilizamos; mas alguns adolescentes mais vulneráveis e no ímpeto de se mostrarem “iguais” e conquistar a amizade e admiração  dos supostos “amigos” o fazem. Só que o fazem e nem sequer param para pensar que aquilo é viciante e livrar-se deste vício pode não ser nada fácil.

O dependente quimico geralmente vicia-se em bebidas alcoolicas, tabaco, até drogas mais pesadas como cocaica, crack e heroína. Um dos factores importantes no convivio familiar é o exemplo que seu filho ou sua filha tem dentro de casa também. Afinal, ele vai pensar: “Se meu pai bebe, porque eu não posso beber?”. Daí a necessidade de se ter uma familia integrada e equilibrada dentro dos conceitos de educação saudaveis que uma criança ou adolescente tem de ter, devendo haver dialogo, estabelecer regras e limites, informar aonde vai, conhecer os amigos, entre outros procedimentos.

Para informar-se melhor sobre o tema sugiro a leitura de alguns sites  relevantes sobre o tema:

Boa Saude – Adolescentes e Jovens

Associação Tratamento Toxicodependentes

8 COMENTÁRIOS

  1. Infelizmente, as crianças e os adolescentes são as vítimas preferidas dos traficantes pela facilidade de convencimento e principalmente quando existem tribulações familiares que conduzem esses jovens a uma fuga considerada “fácil”. Facilidade essa, que se transformará em tormentos difíceis de serem contornados no futuro. A melhor prevenção é justamente um ambiente familiar equilibrado, amoroso e com muita informação.

    um abraço!

  2. Mas o jovem tem esse problema, ele quer experimentar para ter certeza que aquele nao é o caminho certo a seguir só a palavra dos pais para ele não vai bastar, tudo bem, acho que deveria, pois para mim mesma não bastou eu tive que passar para crer, mas graças a deus não foi com drogas propriamente dito, foi com bebida, exagerei na dose e fiquei meio mal, minha mãe não soube aceitar muito bem, mas com o tempo acho que ela vai entender.

  3. OS JOVEN SE DEIXA LEVAR, PELA A INFLUENCIA DAS PESSOAS. NÃÕ SABE DEZER UM NÃO, PORQUE TEM VEGONHA, DE SER CHAMADO DE MOLE E ACABA PROVANDO A BEBEDA, SOU JOVEN TENHO VINTE ANOS NUNCA BEBE SEI DEZER UM NÃO A BEBEDA SO LEVA A PESSOA A MORTE

    • liogico q eles vao por muitas vezes dizer o sim pq e nessa fase q eles estao conhecendo o mundo e escolhendo o q eles devem fazer de suas vidas e descobrindo o certo ou errado e fazendo as grandes escolhas e isso vai depender com quem convivemos

      • Amanda, discordo totalmente. Uma criança que foi bem educada, que teve pais presentes e atentos não vai dizer sim às drogas.
        Uma criança que teve diálogo com os pais em casa não precisa dizer sim às drogas, pq ja foi muito bem orientada e sabe que as drogas é um caminho sem volta.
        Quem entra neste mundo nem sempre sabe se conseguirá sair. O final pode ser a morte ou por overdose ou morto por alguem por causa das drogas.
        Companhias, amigos, por pior que sejam não influenciam uma pessoa usar drogas porque ela ja foi bem orientada em casa e nao terá necessidade de entrar nessa. Se uma pessoa for madura e consciente pode andar com quem for que ela não se vai envolver em coisas ruins.

  4. Concordo plenamente com as considerações acima, visto que, vivenciei a dor de ter um filho adolescente dependente químico há 11 anos atrás, Graças ao poder de DEUS , JESUS o libertou para honra e glória do seu nome.E como mãe solteira tive 99% de culpa, por ter que trabalhar 3 expedientes e deixá-lo a vontade,e, em todos os casos que conheco, pois hoje trabalho com drogaditos, a família continua sendo a lacuna na vida do jovem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here