Mães da Sé – Associação Brasileira de Busca e Defesa a Crianças Desaparecidas

No Brasil existe uma associação que merece ser divulgada mundialmente, trata-se da ABCD –  Associação Brasileira de Busca e Defesa a Crianças Desaparecidas popularmente conhecida como Mães da Sé. Porque mães da sé? Porque uma vez por semana mães e familiares de crianças e pessoas desaparecidas reunem-se em frente a Catedral da Sé no centro de São Paulo com o mesmo objectivo, ou seja, encontrar seus filhos ou familiares queridos desaparecidos.

Segundo a Delegacia de Pessoas Desaparecidas do Estado de São Paulo, ligada ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), uma média de 60  casos de desaparecimento de pessoas são registrados  diariamente na  capital paulista; são adultos, adolescentes, crianças, bebês, pessoas do sexo femino e do sexo masculino.

A ABCD tem como principal objetivo atuar em cooperação com as autoridades do país,  auxiliando na busca de pessoas desaparecidas, também oferece apoio jurídico, psicológico e assistência social aos  familiares ou amigos associados. A ABCD tem mais de 5.000 casos de pessoas desaparecidas inscritos em seus cadastros.

Conheça o site e saiba mais sobre a ABCD:  –  Associação Brasileira de Busca e Defesa a Crianças Desaparecidas (Mães da Sé)

Morada:
Rua São Bento, 370 – 9º andar conjunto 91 sala 02
São Paulo – SP – Brasil
Telefone: 00 55 11 3337- 33 31

Fotos e Informações retiradas do site da ABCD!

3 thoughts on “Mães da Sé – Associação Brasileira de Busca e Defesa a Crianças Desaparecidas”
    1. Ola harness, nao entendi sua pergunta.
      Não sei se funciona ate pq cada desaparecimento é um caso especifico, uns sao a propria criança que foge de casa, outras sao raptadas.
      Mas penso que o que importa é a aatuaçao da ABCD no apoio a familiares desesperados e sem nenhuma força mais p/ procurar aqui ou acolá, e esse trabalho ( encontrando ou nao a criança ou pessoa desaparecida) deve ser validado. So quem teve um filho ou pessoa da familia desaparecida sabe o quato dói e é deseperador. Pense nisso 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter
Mantenha se actualizado sobre os útimos artigos! 
Subscreva a nossa newsletter! 
Respeitamos a sua privacidade. Asseguraremos que não compartilhamos o seu endereço de e-mail com terceiros e que poderá optar por sair da lista de e-mails a qualquer momento.
Não copie texto!