Psicologia Infantil – Comportamentos Repetitivos

Algumas crianças por vezes costumam ter comportamentos repetitivos, e não há uma explicação racional que os justifique. Quase sempre significam uma maneira que a criança encontra de sentir-se mais segura, principalmente em condições especiais quando da entrada para a escola por exemplo ou da chegada de um novo ‘membro da familia’. 🙂 Ao enfrentar a entrada para a escola, uma situação nova, na qual nem tudo que ele deseja será respeitado, provavelmente em casa ele começará a delimitar território e passará a insistir que suas coisas permaneçam da maneira que ele quer e como deixou antes de ir para a escola.  Os comportamentos repetitivos mais comuns são:

* Organizar seus brinquedos de uma maneira especifica e frequente.

* Realizar actividades ou tarefas sempre pela mesma ordem, ou ao contrário, recusar-se a faze-las pela ordem correcta.

* Tocar em brinquedos ou locais de forma repetitiva.

Geralmente estas manias costumam ser passageiras, agora esteja atenta caso a mania vire um tormento para a criança e para os pais, ou caso seu filho demonstre extremam ansiedade quando não for possível realizar ‘ a mania’. Caso isso ocorra procuro um especialista que a ajudará a lidar com a situação e também irá orientar o seu filho de forma adequada.

Site de Relevância:

http://www.psicologia.com.pt/

http://www.appsicologia.org/

113 thoughts on “Psicologia Infantil – Comportamentos Repetitivos”
  1. Tenho uma filha que está com 7 anos e que vem sendo criada por mim desde os 3 anos, sem auxilio da mãe, estou solteiro e minha filha está com dificuldades de adaptações, como: dormir sozinha, ela acorda todas as noites e quer ficar assistindo televisão, a mãe dela sempre teve problemas como síndrome do pânico, fobia social, depressão, além de medo inexplicável durante a gestação, esses problemas podem ter sido transmitidos na gravides e estarem afetando minha filha? ou seriam manias da idade que ela atravessa? me ajudem!

    1. Olá Natanael, observe se sua filha nao está numa fase de adaptaçao na escola, pode ser que isso influencie no comportamento dela. O que a mãe sentiu na gravidez, sim, creio que pode influenciar na estabilidade emocional da criança; talvez o fato dela tb nao ter a mae por perto a deixe insegura. Seria preciso analisar uma série de fatores como a escolinha, o comportamento com os coleguinhas, quem cuida dela durante o dia, etc, etc.

    2. Olá tenho um menino de 4 ANOS e meio, e desde da maternidade sempre muito agitado, minha vida em família ta um pânico so com meu marido e meu mais velho de 12 anos, Pois não temos paz , faço tratamento com ele desde de 2 anis de pois eleve agitadussimo não podemos ir p lugar nenhum pois sempre e um transtorno sair em família e um estresse do pois o comportamento dele e estremamente desovediente , ele tem muitas manhã e quando sisma com uma coisa repetw várias vezes , não consegue se der um comportamento adequado , demorou um pouco p falar lá pelos 2 anos q começou agora fala de sendo q com fonemas troxados , faço tratamento no neuro , a tomou neuleptil , resperidona mais engordou muito e agora toma dogmatil e trileptil mais aparece q nada adianta e faz fono e está na psicóloga a não sei o q faço mais na escola não tenho reclamação , pois acredito e segue muitas atividades me ajudem por favor

      1. Katia, parece que você já procurou as ajudas necessárias, porém não nos disse o que estes especialistas disseram acerca do comportamento do seu filho. Deve haver uma explicação lógica para que ele esteja e aja assim. Eu sinceramente acho complicado estar a dr tantos remédios para uma criança tão pequena, vc já procurou terapias alternativas como cromoterapia, terapia ocupacional, etc? O que a psicóloga fala sobre ele?

  2. Boa tarde,
    Meu filho de 03 anos está muito birrento, e de uns dias para cá tem tomado atitudes repetitivas, como fechar a porta do carro até bater, só ele pode pegar na lancheira e caso outra pessoa pegue ele fica nervoso e chora muito, ou na hora do almoço ficar balançando a cabeça por várias vezes antes de comer. Hoje mesmo ele se irritou por eu o ajudei a carregar a mochila para a escola….

    1. Olá Dulce, há uma certa idade em que a criança acha que é auto-suficiente e recusa ajuda.
      Porém a irritação dele que é tem de ser observada.
      Observe se algo mudou na escolinha, ou em sua casa, algum fator que o tenha deixado assim.
      Observe tb o comportamento com o meio ambiente, qdo vc fala com ele sente que ele te olha nos olhos?
      Qdo ele vê TV sente que ele está a entender o que vê? Eu sempre sugiro aqui que os pais qdo tem este tipo de duvida levem o filho a um psicologo, pq sem analisar diversos fatores do dia a dia do seu filho, bem como aplicar certos testes nele, fica dificil identificar o pq deste comportamento repetitivo.

  3. minha filha de 5 anos estar falando que ta ouvindo vozes falando com ela ela fala assim que e o pai a mae e os filhos uma menina e um menino que fica mandando ela falar coisar ruins estou com medo

  4. Olá!
    Meu filho tem 2 anos e 2 meses e e de dois meses pra cá ele ñ quer mais segurar o copo para beber,a mamadeira para mamar e o biscoito ou pão para comer,só o faz qdo seguro para ele,mas antes fazia sozinho. Deixo em cima da mesa e digo q se ele ñ pegar ficará. com fome,e
    le grita?chora mas ñ pega e fica com fome mesmo,ele fala no máximo oito palavras,,parece querer tudo na mão e eu procuro obter informações para estimular sua independência,pois no próximo ano em que fará. 3 anos irá para escola e sei q ninguém fará nada p ele.

  5. Tenho um filho de 2 anos e meio, ele passa o dia todo com um paninho e não o larga para nada, não consegui tirar ou substituir por outro objeto. isso é normal? até qdo ele pode apresentar tal cmportamento? o que fazer?

    1. Fernanda, pode ser só uma mania que ele adquiriu, convém que vc observe e ao notar que ele faz isso, questiona-lo pq está fazendo isso. Pergunte: O que foi filho? Pq vc está repetindo o que disse?
      Se vc notar que o problema persiste sugiro que vc leve-o num psicólogo.

  6. meu filho está no 1* série(ensino fundamental) não sei se por ser mais escrita e menos brincadeira,quase todos os dias, a professora diz que no começo da aula ele chora muito e diz que tá com dor de barriga, ou dor no dente que está caindo eu já levei ao médico e não é nada eu já conversei e não sei mais o que fazer estou muito,muito triste com essa cituação me ajuda?

    1. Daiana, é natural, algumas crianças neste período sentem dificuldade em se adaptar a escolinha.
      Vc já conversou com ele e perguntou pq ele se sente assim?
      as vezes ele pode não gostar da escola, da professora, de algum amiguinho, etc.
      Tente observar e ver pq ele se sente assim. 🙂

  7. Tenho uma filha de 7 anos e ela tem manias que so aumentam com o passar do tempo, ela mexe na calcinha o tempo inteiro como tivesse incomodando
    , ja troquei por varios tipo e modelos diferente para ver se ela parava, mais nada adianta, ela pode estar em qualquer lugar ate numa aula de danca e ela nao para de mexer na calcinha e tambem tem mania de arrumar a meia antes de colocar o tennis e tira varias vezes se for preciso para arrumar a meia. Nao sei mais o que fazer para mudar este comportamento. Como faco para ajudar ela?

    1. Michele, como eu respondi antes para uma mãe, o ideal é conversar com ela e entender pq ela age assim. Pergunte a ela pq ela mexe tanto na calcinha, diga se há algo que a incomoda, faça o mesmo em relaçao a meia. Não aceite um: Não é nada mãe! Como resposta. Insista calmamente até que ela diga o q a incomoda.
      Se de todo vc não conseguir que ela fale, sugiro que a leve a um psicologo que pode verificar o pq desta ansiedade.

    2. Michele, isto acontecia com a minha filha também e descobri que ela estava com alergia do produto que eu usava para lavar roupa (Vanish Poder O2)… Um abraço.

  8. Olá, meu filho tem 9 anos e ele esta com alguns (costumes ou manias), não sei bem como colocar mas é algo que esta atrapalhando de certa forma, pois são atos repetitivos que chegam a durar cerca de 10 – 15 minutos. Ex: Na frente da TV ele olha pra parede e tv, parede e tv, repetidamente e quando eu pergunto o que esta acontecendo ele simplesmente me diz: Nada.
    Ele arruma a posição do travesseiro umas 10 vezes antes de se deitar para dormir. Isso de certa forma me preocupa. Será que isso é algo passageiro?

    1. Roberta, é difícil responder. Vc já levou ele num psicólogo?
      Para se opinar é preciso ter certeza.
      Ele pode fazer isso por vários motivos, talvez para chamar a atenção, ou pode estar a desenvolver TOC, que é um problema que leva as pessoas a repetirem diversas vezes as mesmas ações porque acham que se não fizerem aquilo algo pode dar errado; mas creio que ele seja muito novo para isso. Tente falar com ele, e entender pq ele faz isso. Qdo vc perguntar e ele responder que não é nada diga: Não é anda não, filho, porque vc arrumou o travesseiro 10 vezes antes de dormir? Tem algo no travesseiro que te incomoda? Converse com calma para que ele sinta confiança em vc para falar o que sente. Se não de resultado tente leva-lo a um psicólogo.

  9. Olá, gostaria de uma orientação
    tenho um filho de 8 anos e venho notado que ultimamente ele vem me falando que ouve vozes que são muitas falando ao mesmo temp. Perguntei com que frequencia isso tem acontecido e o que as vozes falam a ele, e ele responde que não consegue desifrar o que dizem por serem muitas vozes falando juntas e diz que isso acontece quase todos os dias e acontecem de repente. No começo não dei muita importância pensei que estivesse brincando mas outras pessoas ja notaram que ele coloca as mãos no ouvido como se tapasse pra não escutar. Não sei o que pode ser estou preocupada gostaria de saber qual caminho seguir.

    1. bom dia /fabiane, nosso filho vem passando pelo mesmo problema a anos, inclusive acorda a noite chorando e tapando os ouvidos, acontecxeu esta noite novamente por sinal, por favor entre em contato para se possível trocarmos experiências e nos ajudarmos, meu filho também tem oito anos marciosrobertos@yahoo.com.br

  10. MEU FILHO TEM 8 ANOS E ESTÁ COM MANIA DE ENROLAR O CABELO NO ALTO DA CABEÇA.QUANDO ESTÁ VENDO TV OU FAZENDO A TAREFA DE CASA OU PARADO.AS VEZES CHEGA ARRANCAR FIOS.ELE PAROU POR ALGUNS MESES MAS AGORA VOLTOU ,ELE DIZ QUE GOSTA DE FAZER ISTO,MAS SEI Q NÃO É NORMAL . O Q DEVO FAZER…

  11. Olá,
    Estou enfrentando um problema recente com meu filho de dois anos e meio, Todos os dias eu e meu esposo saimos para o trabalho e quando chegamos em casa no final do dia, meu filho não fala mais nada, antes ele conversava, chamava papai,mamãe, contava como tinha sido seu dia, e já faz uns três dias que ele não diz uma palavra, estou muito preocupada, já olhamos para ver se tem algum tipo de ferimento em sua boca ou outra coisa que possa estar impedindo de ele falar, mas está tudo normal, agora ficamos pensando se pode ser “manha”, pois quando fazemos cócegas nele, ele dá risada.. O que será que pode ser?

    1. Olá Patricia,
      Pode ser mta coisa, pode ser que ele esteja cansadinho, pode ser que esteja indisposto, viu se ele apresenta febre? ou se quer ficar deitadinho?
      Sugiro que vc converse na escolinha para saber se ocorreu algo que o tenha assustado, ou algum desentendimento com algum coleguinha. Ele é ainda mto pequenino e pode ser que não saiba te explicar direito, fale com a professora dele! 🙂

  12. Tenho um filho de 04 anos e participa de uma creche desde os 02 anos, sempre demonstrou uma criança estremamente calma, no início quando entrou na creche apresentava uma grande timidez, um ano depois teve uma melhora considerável, muito participativo e brincalhão com outras crianças. Porém, tenho observado a algum tempo que, diante de outras crianças, independente do sexo e do tamanho, ele não se defende a qualquer tipo de agressão que lhe aconteça. Devo considerar isso uma normalidade, caso contrário, quais as ações que devo tomar para que passe a defender-se.

    Grato.

    1. Rosebegno, antes de mais conversar com ele e com a professora e tentar perceber se ela já notou isso e qual a opinião da mesma em relação a isso. No mais isso é por vezes comum, porém ele não pode se amedrontar diante das outras crianças e tão pouco se tornar agressivo. Verifique se a escola dele tem disponivel uma psicologa.

  13. tenho um filho de 4 anos, que não mordia e batia nunca… os outros coleguinhas, empurravam e mordiam e ele não se defendia. Só chorava. no inicio do ano entrou no colégio um colega novo, que fazia meu filho de saco de pancadas. Entramos em contato com a professora para que ficasse de olho, pois meu filho já não queria ir para o colégio com medo desse aluno. Agora tem uma semana que meu filho começou a morder esse menino que o batia sempre. em uma semana ele o mordeu 3 vezes. e Ontem tornou a morde-lo apesar de termos conversado com ele. Ele pede desculpas e tudo..mas torna a morder. Não sei o que fazer..conversamos, orientamos…não é aceitável morder.Por outro lado entendo que ele “cansou” de apanhar. E agora?

    1. Edinete, por acaso seu filho faz o mesmo que eu fazia qdo eu era pequena Hj sou pedagoga, e entendo que eu fazia isso pq era a única forma q eu tinha p/ me defender dado que eu era uma menina magricela e mto fraquinha e vivia apanhando de todo mundo. Entao eu ficava quietinha e qdo vinham me provocar eu mordia.
      Garanto uma coisa, seu filho não morde ‘de graça’ o garoto deve estar provocando-o.
      Verifique isso na escola, talvez morder seja a unica defesa do seu filho.

  14. bom dia, tenho uma filha de 4 anos e meio, que nunca me deu problemas na escola, mas agora em agosto na 2ª quinzena ela ficou com febre e ate vomitou, fiquei com ela 3 dias em casa pois era ua virose, sexta feira passada foi para a escola já nao tinha febre, a verdade é que a educadora, que não è a mesma que passou a 1ª quinzena de agosto com ela diz que ela nao quer brincar que só chama pela mãmã, pouco come, e dizia sempre que lhe doía a barriga, mas para ir ter com a auxiliar da salinha dela que está no berçário já estava bem. ontem, 2ªf fui buscá-la a educadora diz que ela estava mesmo insuportavel, que tanto que estar no berçãrio, depois já quer ir para o polivalente, continua a chamar pela mãmã e doer a barriga, só quer que lhe façam as vontades todas, coisa que não pode ser… o meu medo é que ela fique doente mesmo com medo de ir para a escola.. já lhe pus de castigo porque com as birras ela deita tudo para o chão, faz chantagem comigo, já falei com ela…mas ela continua com o mesmo comportamento:birras, doi a barriiga, não obedece à educadora etc… eu tou com uma depressão e isto está afectar me muito porque não sei o que fazer mais…

    1. Olá Filipa, antes de mais têm de se certificar se realmente o facto dela reclamar de dor na barriga é irreal. Pode ser realmente que a virose a tenha deixado assim mal disposta e consequentemente influenciando no comportamento dela. Pela idade dela estas viroses podem deixar a criança mais birrenta, irritadiça. É normal, até nós adultos qdo ficamos mal dispostos ficamos de mal humor. Certifique-se tb de como é a relação dela com a nova educadora. Por de castigo não adianta. Tente antes de tudo ter uma conversa séria com ela e tente perceber o que está fora do comum que a está a deixar assim.

      1. Bom dia

        Relativamente à virose e dores de barriga passaram… entretanto suspeitamos que fosse de ela estar cansada de ter estado todo o mês de agosto na escola e sem os amiguinhos dela e sem a educadora dela..ou seja estava a precisar de férias.., entretanto já fui de férias com ela e regressou à escolinha pois tive que vir trabalhar.. mas continua a ficar a chorar de manhã , a dizer que vai ter saudades minhas , entretanto chega a educadora dela ela já fica melhor mas por vezes vai outra avez abaixo, por vezes nega a fazer os trabalhos e fica sentada triste…ao final do dia vou busca la e por vezes choraminga a dizer que vai ter saudades da educadora…já fui a uma psicoterapeuta antes de ir de férias e ela disse que era uma fase que ia passar mas ela continua… a educadora relamente também já confessou que não está a conhecer a minha filha, que ali qualquer coisa que estáa mexer com ela mas ela não se abre nem com a educadora nem comigo…

  15. Olá!
    Minha filha tem 3 anos e 7meses ela está na escola desde os 2 anos, este ano mudei o horario pra tarde, pois dormimos muito tarde e ela acompanha, poérm no inicio do ano ela chorou muito, e agora com a volta as aulas ela não quer ficar na escola, ou pede que eu fique com ela, o que não é permitido para não atrapalhar as atividades, tento conversar com ela perguntar como foi e o que ela fez na escola, mas ela não responde, as vezes fala:-Brinquei. Não acho normal ela não querer ou não saber me contar o que aconteçeu no seu dia na escola. As vezes acho que ela não confia ou não gosta de mim por eu não gostar de brincar com ela (tipo casinha, boneca,etc), ou melhor que ela não me considera amiga, então não se abre. Ela se queixou com a minha mãe que eu “grito” muito, acho que gritar é reclamar das birras e pedir que me obedeça. Como devo agir pra minha filha se abrir comigo?

    1. Monalisa, gritar e exigir não adianta nada, ao contrário qto mais gritamos mais os filhos se recusam a fazer o que queremos, por pura birra.
      Tente conversar com calma com a sua filha, comece por perguntar o que ela acha da escolhinha, se ela gosta da tia (professora), e se ela tem amiguinhas e quais ela gosta. Pergunte também sutilmente se há algum coleguinha que ela não se dê bem. Por fim pergunte a professora qual a opinião sobre o comportamento da sua filha na escolinha.

      Há várias hipóteses:

      1- Acontece algo an escolinha que ela não gosta, e que fica com medo, ou triste.
      2- A professora pode não ser tão simpática.
      3- Ela pode ter algum problema com algum coleguinha.
      4- Ela sente falta de vc qdo está na escola, por isso pede que vc fique com ela.

      Para ser mais amiga da sua filha basta paciência, carinho e mta conversa. 🙂 Boa sorte.

  16. Olá, estou com problemas com a minha filha de 8 anos. Ela coloca tudo na boca, esses dias mastigou duas pilhas, uma enferrujada. Ama comer sal, limão. ponta de lápis, caneta. Acho que é um problema oral, porque desde pequena ela faz isso. E ainda por isso é mal criada, desobediente, já levei em 3 psicólogos. Eles mesmos desistem dela. Eu sou mãe solteira e pra completar moramos com os avós que não tem pulso firme co m ela. Ganha tudo que quer, faço isso para compensar a falta do pai. Mas sei que é pior. Poderia me ajudar a ver qual a melhor solução, já que os próprios psicólogos já desistiram? to pensando em levar num psiquiatra infantil.

    1. Marcia que tal elvar sua filha num pediatra e fazer alguns exames para saber se ela tem falta de ferro ou algum outro componente no organismo? As vezes a necessedidade de levar tudo a boca, pode ser falta de algum nutriente. Quem sabe é uma solução. Já pensou tb em elvar numa psicopedagoga?
      Qto ao fazer td q ela quer, não adianta pq isso nao vai suprir a necessidade afetiva dela, ao contrario ela vai crescer achando que tem o mundo aos seus pés, e qdo tiver que enfrentar a dura realidade da vida poderá se revoltar profundamente contra tudo e contra todos. Conheci um caso semelhante ao seu, e areação da criança qdo adulto foi das piores possíveis.

  17. Tenho uma filha de 9 anos, cursando a 4ª serie, nunca tive problemas a escola com ela, agora começaram os problemas, não esta copiando as atividades dada na sala de aula, muuuuito distraida, não me obedece mais, quer fazer somente o que tem vontade, e deu pra mexer nas coisas que não é dela… Estou desesperada… Nem pra escola não quer ir mais. O que eu faço??? Ja procurei a escola pra tentar resolver com as instrutoras de classe, mas foi em vão , não mudou nada…Tenho que puni-la, por mexer no que não a pertence, mas não tenho ideia de como fazer isso…

    1. Ola Patricia, acho que antes de punir, uma conversa seria interessnte para saber pq ela está agindo assim.Além da covnersa analise se algo mudou em sua casa nos últimos tempos que possa ter afetado a sua filha, ou algo diferente na escola aconteceu, etc.
      Se de tudo nada disso der certo, procure uma psicopedagoga ou spicologa para que ela possa te orientar melhor como proceder.

  18. meu filho de 3 anos e 3 meses,tem uma mania de andar com carrinho o dia inteiro ,não solta por nada ,vai a escola ,não sei mais o que fazer..
    Me ajudemm

  19. oi tenho uma filha 4 anos que não gosta do irmão de 14anos,não é carinhosa
    ao contrário dele é muito carinhoso com ela não sei o que fazer,estou muito preocupada.
    já perguntei para ele se fez algo com ela para justificar o seu comportamento ele fala que não fez nada me ajude.

  20. A VERDADE É QUE AS CRIANÇAS DE HOJE SÃO SUPER PROTEGIDAS DEMAIS PELOS PAIS , É CLARO QUE DEVE SE DAR EDUCAÇAO , INTRUÇAO , PROTEÇAO , MAS EM EXAGERO ACABA ESTRAGANDO TUDO , EU TENHO UM SOBRINHO DE 10 ANOS E NAO FICA SOZINHO EM CASA DE MANEIRA NENHUMA , ISSO QUE ELE TEM UMA VIDA CONFORTAVEL , VIDEO GAME NO QUARTO , COMPUTADOR COM INTERNET , TELEVISAO , MAS AI FALANDO COM MEU IRMAO DESCOBRI O MOTIVO , DORMIU JUNTO COM OS PAIS ATE OS 8 ANOS , E AGORA ESTAO GASTANDO DINHEIRO COM PSICOLOGOS E NAO É BARATO CADA SESSAO , FAZER O QUE CADA UM CRIA OS SEUS FILHOS COMO MELHOR LHE CONVEM , MAS DEPOIS NAO RECLAME , EU E MEU IRMAO A PARTIR DOS 3 ANOS JA DURMIAMOS SOZINHOS E SEM PROBLEMA NENHUM CADA UM NA SUA CAMA , RESUMINDO CRIANÇAS DE HOJE SAO MIMADAS , OS PAIS FAZEM TUDO QUE QUEREM E SE TEM DINHEIRO PIOR AINDA NESSES CASOS , DEPOIS FICAM ADULTOS INSEGUROS , E SEM ATITUDE PROPRIA PARA VARIAS COISAS, AINDA BEM QUE MEUS PAIS NAO ME CRIARAM ASSIM………

  21. Boa Noite Kat,
    Tenho uma filha de 7 anos e 7meses, ela gosta muito de brincar de boneca não aguenta ver fraldas, chupetas, mamadeiras tudo referente a bebê ela pede para eu comprar. Ela vivia pedindo um irmão, mais de uns dias pra cá disse que não queria mais porque descobriu que quando estava grávida dela eu enjoava muito e ela tem medo de vômito. Mais não aguenta ver um bebê que ela gruda, quer cuidar como se fosse a mãe. Você acha que esse comportamente é o desejo de ter um irmão? me oriente!

    1. Dilciani, eu qdo era pequena era louca por bebês, não podia ver um que queria pegar no colo. Acho que é super normal, eu sempre fui filha única, e acho que para nós, qdo somos crianças os bebês são vistos como pequenas bonecas que se movimentam. Acho que isso atrai a atneção das meninas que adoram bebês como eu adorava, e como sua filha adora. Além de que os bebês são sempre cheirosinhos, fofinhos, e engraçados, isso fascina, e sem esquecer que toda menina quer se queira ou não desenvolve logo cedo o institno maternal (pelas bonecas) e na vida adulta por crianças. Acho super normal, não acho que vc tenha que se preocupar com isso 🙂

  22. Tenho uma enteada de 7,5 anos de idade. Ela dorme todas as noites na nossa cama pois simplesmente acorda no meio da noite e se instala ao lado do meu marido que nada faz. Acabamos por dormir muito mal. Ela agora deu para falar como se tivesse 03 anos de idade e eu peguei completo horror à situação. Me choca ele não perceber isso. Ele dá mingau todos os dias pela manhã para a criança e insiste em dar banho nela, alegando que ela adora ser cuidada já que a mãe não está nem aí e eu já não sei o que fazer. Se tento argumentar ele diz que estou com ciúmes da criança, mas estou vendo que o comportamento dela está incorreto e isso deve atrapalhar seu desenvolvimento. Ela adora minha filha de 13 anos, mas tudo é complicado, pois ela só age como bebê na frente do meu marido e ficamos um pouco perplexas dele não perceber o fato.Ela está pegando mania de usar meus perfumes, meus casacos e o pai acha que ela me ama demais e se espelha em mim….não percebe que a criança com tao pouca maturidade está na verdade querendo ocupar meu espaço de mãe na casa. Eu tento administrar o bem de todos, mas estou de saco cheio de tudo isso. Quando ela chega na minha casa na quinta eu já fico sonhando com o sábado de manhã quando ela irá embora. Por favor…me esclareça se estou errada. Não acho benéfico ela dormir com o casal e o casamento e a nossa intimidade já pastou sempre que ela está presente. O que devo dizer ao meu marido, para não agredí-lo e tentar fazê-lo aceitar que isso não é benéfico para o desenvolvimento dela?? Existe casos de pais que não aceitam o crescimento dos filhos? ou que querem fazer de tudo para mantê-los bebês?? Muito obrigada.

    1. Cecília, Que situação a sua.
      Eu a compreendo tão bem, sei como vc se sente. Já vivi situação similar.
      Infelizmente a dura realidade é que o seu marido não enxerga mesmo, e desculpe a sinceridade, mas não creio que ele possa mudar de opinião e enxergar.
      Acho que o diálogo é essencial, mas pelo que vi vc ja tentou falar o que acha da situação e ele acha que é ciumes da sua parte.
      Eu concordo que ela esteja querendo “tomar” o seu lugar de mãe na casa, isso é notório. Na mente dela, ela pensa que se ele está com vc e não com a mãe dela, é porque ele gosta mais de você do que de todas as outras pessoas. Ela usando suas roupas e sapatos,está tentando atrair o amor que ele sente por vc, para ela.
      Dormir com o casal, não é saudavel nem para os filhos legitimos que dirá p/ os enteados. Diga não, diga que ela já é uma mocinha e tem que dormir sozinha, alegue também que você dorme mal, porque vc tem receio de se movimentar mto durante o sono e acabar por “machuca-la” sem querer, quem sabe assim funcione e seu marido se toque. Este comportamento dela tb pode ser orientado pela mãe dela, no mínimo a mãe diz a ela o que fazer qdo estiver em sua casa para desta forma te provocar. Tipo: Dorme na cama do papai, qdo vc lá estiver. Use as coisas dela, etc.
      Qto a ela usar suas coisas, tente não deixar que isso ocorra de uma forma sútil.
      Qdo ela estiver em sua casa tente manter suas coisas guardas, e se ela for usar, diga com jeito que cada pessoa tem seus objetos pessoais, e por isso devem ser respeitadas, ou seja, diz para ela assim: Você gostaria que eu usasse o seu sapatinho? A sua roupinha? Não, não é mesmo? E pq? Pq eles pertencem à vc. Por isso temos que aprender que temos de respeitar as coisas das outras pessoas! Cada um tem o seu, e usa o que é seu. 🙂

      Qto ao seu marido, apesar das tecnicas acima para tentar sutilmente melhorar a situação, creio que vc deveria sentar com ele e ter uma conversa séria, se ele persistir na mesma posição diga, que a casa também é sua e que vc tb tem direito a opinar e fazer com que as coisas andem de forma consensual, já que esta situação está te incomodando profundamente.

      Não sei se é o caso dele não querer admitir que a filha cresça, eu acho que eles são “cegos” mesmo, não lhes convém enxergar, até porque elas se famze de vítima, e se colocam numa posição como se nós fossemos a bruxa má da história. Quase sempre na opinião dos homens, somos nós mulheres as desequilibradas, ciumentas, vemos pêlo em ovo, cismamos com tudo e com nada, etc…Agora vou te dizer uma coisa, vc não é a única a passr por isso. Tenho visto cada situação de arrepiar, é uma pena porque por vezes uma criança consegue por fim a uma realção que poderia ser maravilhosa, se o PAI fosse um homem maduro.

      Boa sorte.

  23. Bem, eu mesmo estou dizendo… Tenho 10 anos, na escola a professora fica me chamando em perguntas que não sei. Mas ela sabe disse, eu sinto que ela quer o meu bem. Mas isso faz eu mesmo me sentir envergonhado, pois sou um aluno bom… Não aquele muito bom, mas estou otimo. Por favor o que falo pra ela? …

  24. Pra completar ela diz que nao deveria ter nascido e que esta triste. Ontem ela deixou o,pontinho do lanche na mesa e foi atender um chamado da tia, quando voltou o pote estava vazio!!! Comeram tudo e ficaram rindo…. Que tristeza….

  25. Oi, estou muito preocupada! Minha filha tem 6anos e nao quer ir pra escola de jeito nenhum. Ela nao se defende de nada!!! Desde uns 3anos comecei a perceber isso. Na escola as amiguinhas acabam pegando Jô pé dela, fazendo criticas ou dando ordens e ela obedece. Ela pega a mochila das meninas e carrega até a sala de aula. E em troca só ouve, cala a boca! Ou nao se metr! Ou fica aí! E no dia seguinte nao quer voltar. Já troquei de escola, mas acho que vai ser sempre assim… Ela está em tratamento psicológico mas nasa evoluiu. Será que isso passa? Troco de escola outra vez? Estou entrando em depressão . Obrigada Adriana

    1. Adriana, sim troca de escola outra vez, já que nessa escolas os profissionais que lá estão não se apercebem do que ocorre com sua filha. Caberia a eles tomar uma atitude nao acha?
      Para alem disso, tente falar com a sua filha e ver como ela se sente, e pq reage assim.
      Coincidentemente quando eu era pequena tambem era como sua filha tinha medo até da minha sombra e vivia apanhando na escola. Naquela época Bullying nem se falava nao é? E a criança pouco podia reclamar dentro de casa do que passava na escola.

      Felizmente hj em dias os pais estao atentos e podem e devem tomar atitudes, mude de escola e explique na nova escola o motivo pelo qual a esta matriculando la e peça ajuda das professoras para que ela aos poucos consiga aprender a se defender. Eu consegui com a ajuda de 2 professoras maravilhosas que jamais as esquecerei Lourdes Monge e Aurea Esther Lopes Canedo de Moraes. Ambas foram 2 anjos em minha vida. Boa sorte pra vc e nao desanime, para tudo ha uma solução.

  26. Meu fiho desde os dois anos gosta do ben 10, só fala disso, sabe dizer todos os Aliens e hoje tem 3 anos ele continua até fomos chamados na escola porque ele acaba não se socializando pois nem todas as crianças querem brincar de Ben10 e brinca sozinho, estamos tentando tirar esses pensamentos, há alguma técnica?

    1. Graziela, talvez se vc tentasse direcionar a atenção dele pra outros tipos de personagens, exaltando que este novo personagem é super legal também e que os coleguinhas da escola dele também adoram. Incentive dizendo que é legal encontrar novos personagens e novas brincadeiras para cada dia de nossa vida ser diferente e divertido. Pode ser que assim ele comece a gostar de outras coisas.

  27. oi meu nome ana carolina. tenho uma filha de 6 anos sou mãe solteira , e tenho bastante dificuldade com ela , pois ela não vai ao banheiro de jeito nenhum e isso me obrigou tirala da escola ano passado porq ela fazia xixi nas calças … tenho muito medo por não saber o que fazer , ela é bem infantilizada me ajudem por favor não sei o que fazer para não minha filha sofrer

    1. Olá ana, sugiro que vc a leve numa psico pedagoga, ou numa psicologa infantil apra que possa compreender o porque da sua filha agir assim.

  28. Oi boa noite ! Tenho um filho de 3 anos e 4 meses e ele gosta muito dos meus pais preferi fk com eles do q comigo e meu esposo eu to sofrendo muito pq ele fala q prefere minha mae do q eu e minha mae busca ele sedinho na minha vcasa qdo falo pra ela q naum é pra ele ir ela chora grita q to querendo afastar ele dela mais na verdade ela quem ta afastando ele de me …. O q faço por favor..

    1. Fabiana, qual o motivo da tua mae pegar o seu filho logo cedo e elvar para casa dela?
      Vc trabalha fora e ela tem que cuidar dele?
      Se vc fica em casa, a melhor coisa a fazer é cortar este habito, cuide dele você própria, e explique para ela o motivo pelo qual vc
      nao quer que ele va para casa dela. Se precisar peça ao seu marido para ajuda-la, afinal ele tb é o pai.
      Agora se vc trabalha e rpecisa da tua mae para que ela cuide do seu filho, a solução é encontrar uma escolinha em tempo integral para o seu filho e
      terminar com este problema que vc está tendo.

  29. Tenho um filho de 6 anos, ele é inteligente muito amigo meu que sou seu Pai, sua notas são muito boas, só que ele parece não desligar nunca, sempre está mexendo em alguma coisa, na escola desobedece a professora, não fazendo suas atividades, não obedece a Mãe, briga com seus amigos dentro e fora da sala de aula, porisso recebo reclamações quase todo dia, inclusive agora ele está estudando sozinho na biblioteca (acompanhado de uma professora, pois na sala o comportamento é difícil, me ajudem!

    1. Olá Arnaldo, já tentou conversar com ele e perguntar pq ele age assim?
      Acho que o diálogo e observar como é o dia a dia da criança em casa e na escola pode ser uma saída. Talvez a psicopedagoga da
      escolinha onde ele estuda possa te orientar melhor.

  30. tenho uma filha de 14 anos estar cursando o primeiro ano do ensino médio. mais estou tendo muita dificuldade em lidar com ela pois so vive triste chora muito diz que não gosta de estudar que odeia estudar e isto estar me preoculpamdo muito pois o pai dela já não sabe mais o que fazer preciso de uma orientação que medidas devo tomar.

  31. Boa noite!
    Tenho uma filha(única)de8 anos,que está na 2ª série.Neste ano,recebi alguns bilhetes da profª.dizendo que ela não terminou a lição em sala de aula,começa mas não termina.Ela acorda todo dia ás 5.20h da manhã,vai para a escola do governo e á tarde vai para uma outra(filantrópica)á tarde,como complemento de estudo,onde realiza diversas atividades,tem inclusive acompnhamento psicológico para as crianças/pais,que necessitam.Inclusive já até conversei com a psicologa,quando recebi o 1º bilhete,ela ise que não notou nenhum acompanhamento anormal na minha filha,senão ela já teria me chamado,pediu alguns exames,alegano que até mesmo um problema de visão poderia estar prejuicando ela.Levei numa consulta,e foi constatado um pequeno grau de “astigmatismo”,não seno necessário.naquele momento,o uso e óculos.Converso muito com minha filha,ela é super carinhosa,alguns profºs.já disseram isso,ela é inteligente,educada,faz as lições direitinho comigo em casa,já cortei o que mais gosta de fazer,já briguei,expliquei que tudo tem sua hora,e brincar,comer e até mesmo estudar para que ela seja “alguém” na vida,ela sempre diz que uma amiguinha que fica chamando ela toda hora na sala de aula.Não sei mais o que faço,estou me sentindo fracassada como mãe.
    POR FAVOR ME ORIENTE!!!
    Obrigada..sucesso!!

    1. Lígia, Que tal se você conversasse coma professora e pedisse para que colocasse ela e esta amiguinha sentadas separadas? Pode parecer radical, mas a prórpia professora deveria ter visto isso. Se ela é como vc diz, doce e carinhosa, e alegou
      que isso ocorre porque a amiguinha a chama toda hora, acredite nela e dê uma oportunidade. Peça a professora que a sente separada desta amiga e diga a professora o motivo disso. Peça também para a professora observar se depois disso sua filha irá melhorar no rendimento escolar.

      1. Obrigada!Já havia pensado nisso…a psicologa da escola disse que tenho que ser mais rigorosa,firme com ela(eu não concordo)disse ate que se preciso for,tem que dar umas “palmadas”(achei um absurdo).Que ela ´super inteligente,lider,e o que ela faz é para chamar a atenção para si,que eu tenho que entender que ela é minha filha e nao minha amiga(ta,bém achei um absurdo isso)…acredito que a conversa ainda é a melhor saida…Prefiro acreditar que estudar em periodo integral,esta desgastando demais ela,de qualquer forma,tentarei ser mais firme,porém sem as devidas “palmadas”,acredito que não seja para tanto…
        Obrigada novamente!!!

  32. Boa Noite.

    Tenho uma filha de 6 anos e ela quer atenção o tempo todo,qdo ela faz alguma coisa como escrever,fazer tarefas,ela quer que eu veja na hora,meu filho tem 1 ano mas não acho que ela é assim por causa dele pois,quer atenção até qdo o irmão está dormindo, porque será ?

  33. Olá,

    tenho 2 filhos um de 16 anos Matueus e o de 8 anos e 10 meses Erik.minha dificuldade esta em fazer com que o Erik conclua as lições na escola.todos concordam comigo em relação a sua inteligencia ,tem um raciocínio lógico bom,é bem educado ,carinhoso ,nada agressivo,mas tem esse drama escolar .ja dei broncas ,ja mudei a tática com várias conversas ,mas nada ,a ultima tirei os desenhos e jogos mesmo porque ele vinha confirmando para mim que estava concluindo tudo na escola.bom,fiquei bem triste por ter mintido ,mas não sei como agir agora.estou pensando em liberar as coisas que ele gosta e perdeu por dia de tarefa concluída na escola.preciso de um auxílio!!!! E ainda pra completar a avó vive passando a mão na cabeça dele e não percebe que fazendo as tarefas de casa sempre com ele impede o crescimento ,mas ta difícil ! quero uma luz!!
    Obrigada.

  34. Tenha uma filha apenas e nossa familia só ha adultos,porém minha filha entrou na escolinha creche,e a professora disse que ela e muito ciumemta com os brinquedos e na verdade ela nao se mistura com as outras crianças brinca sozinha e nao quer que os amiguinhos brinque com ela…por que sera?

  35. ola tenho uma filha de 9 anos,e o problema e que a minha filha qualquer coisa que pegue para brincar,fica com a ideia que engoliu esse brinquedo,se por acaso nao se recorda aonde o deixou,se qualquer coisa que le toque na boca pensa que engoliu,e chora e tem medo do que possa passar,de ficar doente ou algo assim,se pode morrer,tem muito medo de ganhar caries e esta sempre a lavar os dentes ,se esqueçe de os lavar,antes de ir a dormir se desperta,e vai lavar.Ou nao tenho dado muita importançia porque penso que seja uma fase que este atravesar,mas como tem ido a mais ,nao sei se e melhor procurar ajuda medica,gostava de saber a vossa opniao,obrigada

    1. Salete, sugiro que vc a leve a um psicologo. Este comportamento pode ser compulsivo, e um psicologo poderá te dar toda orientação necessaria. Se ela tem medo e cisma que engoliu algo, ou ela realmente está desenvolvendo algum tipo de temor ou faz isso para chamar a tua atenção. Em qualquer um dos casos um psicologo poderá te orientar melhor.

  36. 0oi tudo tenho dois filhos uma menina um menino a menina tem sete anos depois q meu menino nasceu ela volto fazer xixi na cama nao para mais o que faço ja tei agrada ja conversei tudo com ela mas nao adianta sao tanta duvidas mas me ajuda nessa por favor!!!!!!!!!!

  37. Olá, bom Dia!!
    Meu bebe tem 1 ano e 3 meses, e esta com uma mania de morder a sí próprio toda vez em que digo não ou repreendo ele de alguma forma… ele tem um genio muito forte!não sei como devo regir, e até que ponto isso é normal, se é que isso é normal… preciso de ajuda!!!
    obrigada!

  38. Bom dia !
    Tenho 30 anos e sou mae de tres crianças uma que vai completar 15 anos este ano, uma de 10 e outro de 8.
    Bem sei que todos ser humano tem sua personalidade, e com os meus filhos não são diferentes,só que meu filho de 8 anos vem com um corpotamente muito agresivo a minha de 10 anos vem com um corpotamento que acha que a dor ela ganha tudo e minha filha mais velha, bem ela é um amor por enguanto ela so fica na vontade de fazer as coisas e como sempre minha mae replimi ela não faz rebeldia, mas sei que a qualquer momento posso passar uma situação que eu não saberei enfrentar.

  39. Minha filha já trocou de colégio 2 vezes, a primeira vez porque uma menina de outro colégio estava batendo nela por causa de uma garoto que enviou um bilhete dizendo que gostava da minha filha. Agora porque uma colega da classe que estuda agora em outra classe vive provocando minha filha e partiu para cima dela, a chamou de loira falsa, minha filha apenas chora. Uma outra amiga quando viu que minha filha ia apanhar partiu para cima e brigou com a garota, eu não sei o que faço com minha filha. Ela não quer mais estudar, porque sempre alguém quer bater nela, acho que ela tenha dificuldades de fazer amizade, porém nãó é debochada nem mentirosa o que devo fazer.

    1. Jusimara, infelizmente o mundo é assim, e por mais que se negue as crianças tem uma gde capacidade em ser cruel e intimidar os outros colegas.
      Sua filha tem que aprender a ser auto confiante e se defender, é bom que ela consiga aprender isso agora, pq qdo estiver adultra enfrentará mtas adversidades na vida, como todos nós enfrentamos; e saber lidar com isso é crucial p/ sobreviver neste mundo. Já tentou procurar a ajuda de um psicólogo? Pode ser uma opção. 🙂 Boa sorte.

    2. Jusimara,tenho uma neta que hoje esta com 16 anos,ela tb era assim,mas dois anos de terapia ela conseguiu se valorizar,hoje ela tem varias amigas,sem nenhum problema

  40. Oi temos uma filha de 9 anos que e uma menina muito amada pelo os pais e sua IRMA DE 3 ANOS,ELA A UNS 4 A 5 ANOS ATRAS JA COMINHA UNHAS E AS VEZES PUNHA O DEDO NO NARIZ E PUNHA NA BOCA ,SO QUE AGORA ELA COM 9 ANOS QUAZE 10 E ELA CONTINUA FAZENDO ESTAS COISAS FEIAS E O PIOR ELA VA NO BANHEIRO E NAO SE IGIENA,OU SEJA NAO SE LIMPA,NAO SO ESTO MAS ,NAO OBEDECE,NAO PREPARA AS COISAS DELA PRA ESCOLA,NAO COLOCA AS COISAS DELA DE VOUTA NO LUGAR,O TON DA VOZ E ALTO,TA SEMPRE ABORRECIDA,NAO SABEMOS MAIS OQUE FEZER E MINHA ESPOSA SUA MAE NAO FALA MAIS COM ELA ,ATE QUE ELA COMECE A DEMOSTRAR QUE MELHORANDO E EU FICO PREOCUPADO COM ESTO PQ A MAE DELA TA MUITO TRISTE COM TUDO ESTO .PRECISAMOS DE AJUDA, OBRIGADO.

    1. Sr. Haroldo,
      Quem sabe se o senhor levasse sua filha a um psicólogo e explicasse a situação.
      Acho que somente um profissional capacitado para conversar com ela e entender pq ela age assim.

  41. OLá,
    Tenho um filho de 1 ano e 8 meses.
    Ele têm uma mania constante de esconder tudo, todo tipo de objeto.
    Esconde seus brinquedos, celulares e as chaves de casa, as vezes ele diz que acabou, outras ele nos leva aonde escondeu. Esses dias escondeu a chave do carro bem na hora de sairmos para trabalhar, quase ficamos loucos ele não disse onde estava, talvez tivesse esquecido, encontramos na gaveta dele. Quando esta comendo algo e não quer mais, esconde os restos debaixo de travesseiros e almofadas! O que significa esse comportamento desde tão cedo?

  42. Meu filho tem 5 anos, é filho unico. Começou a estuda em fevereiro e ia tudo bem, gostava de ir a escola, de uns dias pra cá não quer mais, diz que não quer ficar longe de nós pais, que sente saudade, a professora me disse que ele chora e agora sempre está sentindo alguma coisa pra não ir, tem sempre uma desculpa, não sei mais o que fazer, fui na escola conversei com a professora pra saber se aconteceu alguma coisa e ela diz que não. Um dia, ela me chamou pra dizer que ele estava conversando mto e eu precisa conversar com ele… Por favor preciso de ajuda de como agir com meu filho.

  43. Tenho uma neta de 5 anos e o comportamento dela é como se fosse bebê.
    Fala como tal e se expressa também. Ela é muito amada por todos, principalmente pelos pais. É a segunda filha do casal e está difícil para fazer ela entender que não é mais bebê. Parece que quer chamar a atenção ou o que poderia ser isso? Por favor nos ajude. Ela é inteligente, meiga, mas no parque percebemos que ela se isola. Prefere brincar sozinha. Aguardo sua resposta. Abraços.

  44. Ela é uma menina muito inteligente,muito apegada aos pais…moramos só nos tres, eu e o pai trabalhamos muito entao geralmente ela brinca sozinha ou fica na casa da vó….Nao quer frequentar de maneira nenhuma a escola ela tem um trauma da escola…nao sei o que aconteceu…ela chega ate a dizer que quer ser burra,mas nao quer ouvir falar em escola……issso me preocupa demais…chego ate ficar desesperada….Ela é uma crianca dificil de se socializar com outras,,,,muito dificil mesmo. Só existe o mundo dela e dos pais a da avó….

    O comportamento dela é muito educado, ela respeita todos , é muito calma , é muito indefessa …..Mas ultimamente ela vem querendo chamar atencao de alguma coisa que nao sei lhe explicar…Ela coloca coisas na cabeca (ex: Voce nao colocou a bolacha da maneira que eu quero) comeca a chorar muito e chega ate a vomitar…Diz que nao quer ter mais mãe, pai, casa, amigos, que ta com muita vontade de chorar…ai chora mesmo muitooooooo….nao sei como lidar com isso…nao sei se é birra…mimação…não sei se eu chego a ignorar ou se dou atenção….me ajuda por favor…me der dicas,…….lhe agradeço muito……….

  45. Tenho uma filha que é única e tem 5 anos, ela é uma criança inteligente, meiga, porém é tímida, tem medo de todo tipo de bicho e anda chorando por qualquer coisa. Acho ela um tanto insegura. Converso bastante com ela sobre tudo, explico tudo que ela me pergunta. Na escola ela é bem participativa faz tudo que a professora pede, mas tem dificuldade de fazer amizade com as outras crianças. Outro dia um colega novo da sala dela disse que não era amigo dela, isso foi suficiente para ela chorar muito e ficar muito sentida com isso. Outro dia no parque uma criança pegou os brinquedos dela e ela ao invés de pegar os brinquedos e dizer :” é meu” ela simplizmente se afasta ,não sabe se “defender” de outra criança. Outro dia uma criança fez cara feia pra ela e ela só chorou, não teve o instinto de se defender e fazer careta para o menino também. Bom … eu fico sem saber como agir, tento explicar pra ela´que não pode deixar ninguém fazê-la de “boba” e ela me diz: ” mas mãe eu não sei ser assim” Por favor isso é apenas uma fase ou o que? Me ajudem a ajudar minha filha amada. Obrigada.

  46. Minha filha tem 8 anos , não quer obedecer, na escola, está conversando demais, todas as vezes que vai fazer as tarefas da escola, me solicita , procuro atender na medida do possível, mas explico que as tarefas são dela e como trabalho mais em casa ,ela não quer entender que estou trabalhando, por mais que eu explique.Á medida que ela está crescendo, vejo que não quer mais cumprir as regras da casa. Isto tem desgastado demais a nossa relação. Já tentei trocar as coisas que ela gosta
    cada vez que ela não cumpre com o que promete , ou quando as regras não são
    cumpridas, nas parece que só sente naquele momento, depois volta a fazer tudo igual.
    Já tentei várias maneiras: conversar , tirar o que gosta , ficar sem falar por um tempo…
    Tenho uma sensação de incapacidade e fracasso. Preciso tanto de ajuda! Obrigad

    1. Mylly antes de qq coisa vc tem de tentar entender pq ela esta fazendo isso. Tente conversar com ela ou com a professora e descobrir o pq deste comportamento.
      Ela está querendo chamar a atenção p/ algo.
      Depois qdo vc tirar algo que ela gosta muito, ou ter alguma atitude p/ q ela compreenda que esta fazendo coisas erradas, seja bem clara e diga à ela o pq esta sendo ‘proibida ou impedida de ter algo’, pq fez algo errado.
      Ela tem de perceber e entender que todos nos seres humanos, gradativamente passamos em nossas vidas a ter algum tipo de responsbilidade, a dela neste momento é de estudar e cumprir com os seus deveres corretamente. Quem sabe tendo uma conversa seria ela entenda, mas nao ceda…nao se arrependa qdo a proibir de algo seja firme, e olhe-a nos olhos. Nao precisa brigas, nem tao pouco gritos, apenas uma conversa seria.

  47. oi!! meu filho tem 6 anos e esta no jardin, desde q entrou na escola o comportamento dele mudou, não em casa, mas na rua.
    ele é muito esperto,desde os dois anos ele meche no computador, entra na internet e procura os desenhos q gosta,meche em dvd play,resumindo ,ligou na tomada ele sabe operar. o problema começou com dois meses de aula,um colega tentou arrancar um brinquedo dele e ele não deichou, o menino se afastou dele e pegou uma madeira, e bateu nele pelas costas, a professora não me contou, cobrei da professora o ocorrido, desde então tudo piorou passei a ser chamada na escola quase q uma ves por mes com queixas sobre meu filho, não escuta a professora, esta comendo gis de cera,foge da sala,não quer mais ficar com os colegas, ele ja sofreu outras agreçoes depois disso,resolveram q meu filho esta com problemas de identidade, hoje fui chamada por que ele fes coco e pos o dedo la e colocou na boca, agora ele voltou a fase oral, na opinião dela. ele não tem esse comportamento em casa e estou com medo de ele estar sofrendo perceguição na escola, pois sou a unica, unica mãe mesmo q aparece pra saber das coisas. estou desesperada pois não sei se meu filho precisa de ajuda psico,ou estào perceguindo ele por eu estar presente de mais na escola.
    (a escola tem 136 alunos, é bem pequena e so tem reunião com os pais comigo ,nunca tem outra mãe junto so eu0). não sei se é verdade oque a diretora dis pois ele não é assim em casa, tem uma mãe com filho deficiente que chega mais cedo no colegio e me dis que meu filho não faz tudo isso q elas dizem, mas ela foi ameaçada de perder a vaga do menino dela se ela continuace a me contar as coisas .
    me ajude por favor é meu unico filho e acho que ja estou ficando louca!!
    obrigada!

    1. Melissa mude seu filho de escola, pode ser sim q ele e vc estejam sofrendo de perseguição. Ha escolas q nao gostam que os pais fiquem indo la para saber o q se passa, alguns preferem que os pais nem deem as caras. Mude seu filho de escola antes que seja tarde.

  48. Tenho um filho de 8 anos e está com muita dificuldade em obedecer,na escola conversa o tempo inteiro na aula e a professora ja enviou varios recados ele é agitado e muito teimoso. Dou as ordens e não cumpri depois fica pedindo desculpas. E o que mais eu preservava era a educação mas agora é todo mando a falar e criticar. Quando recebe um não é aquela dificuldade, quando quer alguma coisa nnão sabe esperar , fica falando no assunto o tempo inteiro , está dificil pois, eu e pai já estamos brigando por causa dele. O pai só faz critica-lo e não estou suportando sozinha….. Me ajude, obrigada!

    1. Carla, quem sabe um psicologo pode te ajudar a entender melhor o q se está a passar. Surgio uma consulta de avaliação para entender pq seu filho age assim.

  49. olá ! tenho um filho de 6 nos, e estou passando por uma fase difícil pq ele está muito desobediente, qndo chamo a tenção dele parece até q estou falando com uma criança surda, pq ele continua fazendo o q pedi que não fizesse, anda tendo um comportamento estranhos, dizendo que ouve vozes… será que é só para chamar a atenção? tenho medo que possa ser algum problema psicológico….

    1. Cynthia ha mtas questoes a serem analisadas, como por exemplo se o seu filho esta a apssar alguma situaçao dificil em casa, com o pai, com você, na escola; Sugiro que você leve-o num psicologo q poderá ajuda-la a compreender melhor esta situação.

  50. Olá,

    Minha filha tem 4 anos e a professora dela me chamou para conversar, pois ela por algumas vezes não se foca na aula, termina o trabalho que está fazendo por último, cumpre todos os objetivos mas é dispersiva. E a professora do ballet que não é do colégio me falou que ela tem dificuldade em ouvi-lá.

    1. Andréa, vc deve perceber se sua filha se comporta assim em casa e pq isto acontece; os pais têm de se aperceber o pq da criança agir assim como por exemplo: carencia pq a mae trabalha fora, problemas de ciumes dos irmaos, pai e mae não se doa bem e discutem na frente da filha, etc.

  51. Tenho uma filha de 3 anos ela sempre teve um comportamento normal , tanto em casa quanto na escola, mas de alguns dias pra cá ela acorda normalmente e vai para escola mais quando volta ela não fala com ninguem fica até a manhã do dia seguinte sem falar isto começou somenta na escola agora este comportamento esta sendo em casa nã sei o que fazer já conversei com ela mais não adiantou fui chamada na escola porcausa do tal comportamento a professora me disse que este comportamento dela estar sendo repetido por uma coleguinha da mesma turma,o que eu posso fazer?

  52. Ola!
    MInha filha esta c 7 anos e no 1 ano, segunda a professora e o q eu acompanho tbm ela é uma criança muito inteligente, mas de uns dias p cá ela diz q tem medo de ir p escola, nas primeiras semanas eu conseguia convencer ela a ficar na escola. procurei saber se aconteceu algo, mas ela ñ se abre e só diz q tem medo dos meninos do 4 ano…mas ate então consegui passar segurança p ela, foi na escola conversar c prof e diretora..mas infelizmente ñ deu muito certo..agora ñ consigo mais leva-la a escola..
    o q vc me aconselharia ? obrigada

  53. oi tenho um filho de 3 anos e sete meses ,sempre ele repete o quer agente pergunta , ele repete tudo e nao responde ,e agora no colegio ele deu pra bater nos colegas ele nunca foi assim antes ele estudava em outro colegio e o kalebe gostou muito mais tirei ele de lá.Por faor me ajude

  54. Tenho um filho de 8 anos e ele tem bastante falta de atenção em tudo principalmente na escola,volta p/ casa com os deveres incompletos,e não tem um bom relacionamento com o irmão de 2 anos.Além disso não consigo faze-lo se alimentar bem,não come verduras,carnes,verduras nem aroz.O q/ eu faço?Já tentei varias coisas,todas sem resultado…

  55. olá!
    Tenho uma filha de 4 anos que adora se arrumar se vestir de princesa, bailarina…
    em sua escola estão oferecendo uma atividade extra (paga à parte), é o balet. A aula desta atividade extra é no final da aula normal da escola. O problema é que um pouco antes de acabar a aula , as professoras começam a arrumar as crianças que participam do balet dentro da sala de aula na frente das crianças que não participam, ou seja, a atenção de todas as crianças fica voltada para essa movimentação, e inclusive passam algum tempo esperando, arrumadas de bailarinas, dentro da sala para poder ser encaminhadas para a aula de balet.
    Minha filha que não pode fazer a aula, por vários motivos, fica muito triste quando pede para participar da aula de balet e eu começo a explicar que ela não vai poder por isso, por isso e por issso. Aí, ela fala frases do tipo: “tudo na minha vida é chato”. Sendo que eu faço tudo, dentro dos limites, para fazê-la feliz. Psicologicamente falando você acha que a postura da escola em arrumar as crianças dentro da sala está correta?
    Estou muito aflita com esta situação. Como devo agir?

    1. Ola Jayce, acho q vc deveria conversar na escola da sua filha sobre este problema. De fato nao é correto, acho q poderiam separar as crianças neste momento de uma outra forma.

  56. Bom dia ando muito preocupada,pois tenho um filho de 11 anos,ele anda sem interese algum nos estudos.entra semana de prova e ele rasga o bilhete da professora pra mim não colocar ele pra estudar,em casa coloco ele pra estudar ele fica olhando folhas do livro que não tem nada haver com o assunto,já não sei mas o que eu faço.até a higiene pessoal dele ele não quer mas cuidar,não quer escovar os dentes e nem tomar banho,tem dia que eu não falo nada pra vêr si ele si cuida,mas no dia que eu não falo nada ele nem toma banho e nem escova os dentes,ele já passou dois dias sem tomar banho e sem escovar os dentes,peço um orientação.ficarei muito grata

  57. Ando preocupada com omeu filho de 6 anos,que entrou este ano para a primária .
    O seu comportamento,não é o mais correcto,a sua atitude para com os professores ,respondendo mal,por vezes sendo mal educado.O meu filho não é assim,em casa,e no infantário também não o era.Este comportamento
    também o tem mais seis colegas da mesma sala.Não sei como agir perante esta situação .Peço uma orientação.Muito obrigada!

    1. Fatima, ou seu filho está a ‘imitar’ os colegas da mesma sala ou algo na escola o desagrada e ele encontrou esta forma de manifestar a insatisfação, tente conversar com ele e perceber o porque desta atitude.

  58. Bom dia!

    Ando a ficar preocupado com a minha filha que tem 6 anos e entrou agora para a 1ª classe. Pelo que vejo em casa e também pelo que os professores dizem ela é ágil e inteligente, mas o problema é que tem momentos do dia que não quer fazer o que lhe pedem e nem mesmo quer entrar na sala de aula. Já tentei falar com ela com calma e pelo que consegui saber tudo passa pela falta de tempo livre que passou a dispor e assim não poder brincar devido à escola, como tal a recusa por vezes à própria escola. Até aqui consegui chegar e assim já tentei fazer-lhe ver as coisas de que há tempo para tudo e que a estudar também se fazem coisas divertidas e importantes para se ficar mais inteligente , etc, etc, etc……
    O problema é que tudo isso não resultou e gostaria então de uma sua opinião ou indicação pois só quereria sujeita-la a idas a consultas em último recurso.
    Muito obrigado e felicidades para o seu trabalho.

    1. Bom dia Sr. Paulo,

      É natural que sua filha não tendo muito tempo livre para brincar e fazer as coisas que gosta reaja desta forma.
      Algumas crianças são timidas e aceitam o que lhes é imposto, outras não. sua filha deve ter personalidade forte e reage assim para demonstrar que está descontente. Tente conversar com ela e compreender o porque destas atitudes.
      Observe o porque dela não querer ir as aulas, veja se ela gosta da professora, dos coleguinhas, da escola.
      Alem disso, se ela tem pouco tempo livre é importante o Sr. tentar encontrar uma solução para isso e chegar num acordo com ela!

  59. estou fazendo um trabalho sobre a psicologia na infancia, se puder me orientar sobre alguns sites, pois estou tendo dificuldades, sobre o assunto especifico, agradeço desde ja a colaboração

  60. Tenho uma filha de 4 anos e ela tem muito medo das pessoas, em casa ela é agitada brinca fala canta sozinha é filha única, principalmente como foi o seu dia na escola.mas quando sai se fecha não fala se fala é muito baixo, nao brinca com as crianças da propria escola quer que eu fique com ela dada a mão se possível, quando vou em uma festa de aniversario e tem uma sala para os convidados comerem e uma sala de play com monitoras ela nao fica ate chora pra ficar comigo . eu não sei o que fazer

  61. Boa Tarde!
    Estou a realizar um trabalho sobre crianças, onde abordo a temática do abandono.
    No entanto, disponho de pouca informação, pelo que venho aqui solicitar a sua ajuda…
    Se me fizer esse favor, contacte-me
    cumprimentos

  62. preciso muito de orientaçao tenho um menino com oito anos a frequentar o 3 ano a professora diz que e muito inteligente e realmente e.O problema dele e que tambem e demasiado lento destrai-se com muita facilidade e evita sempre fazer o que nao lhe agrada nisso inclu-o a higiene diaria. tenho que andar atraz dele para lavar os dentes se nao nao o faz dar-lhe o banho inclusive.Quando sente vontade de ir a casa de banho encolhe-se para nao ir e nao se limpa sozinho.estou desesperada porque ja tentei de todas as maneiras possiveis e nao sei mais o que fazer.Atravez de brincadeira, tentei explicando a importancia da higiene, zangando-me,deixando ele fazer quando quizesse…mas o certo e que continua igual e so faz as coisas quando eu o faço e obrigo-o a fazer.ajudem-me por favor.Obrigada.

  63. Bom dia!

    Meu filho costuma esconder as objetos em casa e negar que escondeu como se tivesse brincando,uma ocasião que levou o cel da mãe para a escola sem comunicar.
    Ele tem apenas 06 anos.

  64. Bom dia!!!
    Goataria de saber se tem tratamento para crianças repete muito a fala.
    Minha filha fala muito o dia inteiro e
    repete muito o que fala.Exisste algum tratamento para esse tipo de mania??

    Obrigado…
    att

    Renilda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter
Mantenha se actualizado sobre os útimos artigos! 
Subscreva a nossa newsletter! 
Respeitamos a sua privacidade. Asseguraremos que não compartilhamos o seu endereço de e-mail com terceiros e que poderá optar por sair da lista de e-mails a qualquer momento.
Não copie texto!